quarta-feira, 31 de dezembro de 2014

Reflexões - Séries de Tv


Bates Motel
Segunda Temporada 
Episódio 04


"Só existe um caminho, um passo de cada vez."
                                                          - Christine

terça-feira, 16 de dezembro de 2014

Desafio - Bora Brincar...

Oi, Pessoas!!!

A brincadeira de hoje, foi proposta pela Zahar Publicadora e foi muito legal porque caiu direitinho comigo e o livro que estou lendo... Olha isso:



O livro que estou lendo é  The Walking Dead - A Queda do Governador Parte Dois. Nele tem uma personagem chamada Lilly como eu... Abrindo na página 45, a primeira frase diz:

"Para Lilly, a sala está fervilhando de fantasmas." 

Resultado... 
Que triste, hein? !!! ;D


domingo, 14 de dezembro de 2014

Melhores Momentos - Filmes


Antes da Meia-Noite
(2013)

Oi, Pessoas!!!

Se você ainda não viu esse filme, corra e vá conferir! 
É maravilhoso! É real e delicioso como um romance deve ser... 
Ethan tá mais delícia que nunca e a Julie perfeita como sempre.
Mas aqui pra nós, o Jesse tá bem certo quando diz que a Celine é a maior louca... rs 
Todas nós não somos???? Hahaha 

Meu filme querido, da minha amada Trilogia: 
1. Antes do Amanhecer,
3. Antes da Meia Noite

quarta-feira, 10 de dezembro de 2014

Rick's Moments

 
 

The Walking Dead
- Quinta Temporada - 
Episódio 08

"Cala a boca!" 
                  - Rick Grimes

Oi, Pessoas!!!

Quem passa por aqui e lê o blog 
sabe que eu andava meio triste com o rumo da série. 
Mas, finalmente a série parece ter tomado prumo
 e agora segue divina como sempre... Este episódio foi mais que perfeito e ainda trouxe uma faceta nova que ainda não havíamos visto no amado sub-xerife Rick Grimes... humor negro... rs
Foi muito legal ele mandar o cara calar a boca e atirar nele. 
Legal no sentido de "ah, tudo bem... vc não quer calar por conta própria então eu vou fazer você calar de qualquer jeito"... hehehe 
Devo dizer que quando Rick aparece tudo volta aos trilhos
 e como poderia ser diferente... o Andrew Lincoln é o cara!

quinta-feira, 4 de dezembro de 2014

Ismália - Alphonsus Guimaraens


Ismália
Alphonsus de Guimaraens

Quando Ismália enlouqueceu,
Pôs-se na torre a sonhar...
Viu uma lua no céu,
Viu outra lua no mar.

No sonho em que se perdeu,
Banhou-se toda em luar...
Queria subir ao céu,
Queria descer ao mar...

E, no desvario seu,
Na torre pôs-se a cantar...
Estava perto do céu,
Estava longe do mar...

E como um anjo pendeu
As asas para voar...
Queria a lua do céu,
Queria a lua do mar...

As asas que Deus lhe deu
Ruflaram de par em par...
Sua alma subiu ao céu,
Seu corpo desceu ao mar...


terça-feira, 2 de dezembro de 2014

Trecho de Hoje

"Colin fechou os braços firmemente em torno de si mesmo como uma tartaruga. Podia sentir a tensão na sala aumentar depressa a seu redor. Seus batimentos cardíacos ganharam velocidade. "  (Pág 65)


(Trecho do livro "Colin Fischer", de Ashley Edward Miller e Zack Stentz, Editora Nova Conceito - Ribeirão Preto - SP - 1a. Impressão - 2014)

segunda-feira, 1 de dezembro de 2014

Episódio 08 - Quinta Temporada - The Walking Dead

SPOILER

"CODA"

Episódio 08
Quinta Temporada

"Pare. Pare agora mesmo. Pare.
Não vou pedir novamente."
                                                               - Rick Grimes


Oi, Pessoas!!!

Um episódio bem melhor. Fiquei satisfeita por ver que eu estava certa quanto à morte da Beth... Não fiquei feliz porque não tinha nada contra a personagem, mesmo achando a atriz bem fraquinha. 

Bora comentar...

Então, finalmente reconheci a série que tanto amo. Foi um episódio tão bom quanto o primeiro e o sexto episódios desta temporada. Diálogos, emoção, desespero e ação na medida certa. Ah, não posso esquecer que ELES estavam TODOS JUNTOS novamente. É assim que funciona povo chato (roteiristas) =P 

1. Achei bem legal eles terem feito o Pe. Gabriel de São Tomé, do tipo... "Só acredito vendo..." Tudo bem que ele quase dançou e botou a perder o abrigo da igreja rsrsrsrs... mas ele precisava e, é perfeitamente compreensível. 
Pessoas... atenção!!! O nosso bom padre viveu todo esse tempo protegido do mundo louco que se estabeleceu. Ele não tinha noção de todas as coisas ruins que as pessoas estavam fazendo desde que tudo começou... Sem contar que eu aaaaaaaaaaaaadorei os roteiristas terem colocado ele para sentir na pele o que é bater na porta da igreja pedindo socorro... foi P e r f e i to!!! 

2. Gostei muito da conversa entre o Rick e os policiais logo após a morte do BobPolicial...rsrsrsrs Aaaaaaamo quando ele faz aquela cara linnnnnnnda de "tobemlouco" rs. A policial Licari foi rápida, esperta e sensata. Sem contar que no final, ela se mostrou equilibrada e acalmou os ânimos quando nós achávamos que a matança seria inevitável... 

3. Achei meigo a Maggie comemorando o fato da Beth estar viva... só assim, esse monte de gente sem noção parava de criticar a personagem pelo fato dela não ter se preocupado com a irmã... 
Beth's alive... 
Gente, por favor, né? A verdade é que as duas ficaram chocadas com a morte do pai, a destruição da prisão e a separação do grupo e nem tiveram oportunidade para lamentar isso... afinal, elas tinham que continuar... Maggie se jogou desesperadamente na busca de reencontrar o Glenn... Daí, você pode estar se perguntando... "e porque ela não quis procurar a irmã?" Eu penso que ela achava que não havia muita chance da Beth ter sobrevivido porque, como todos nós sabemos, a Beth nunca foi a rainha da força... Então, ela suprimiu essa esperança e SEGUIU... apenas isso, SEGUIU.

4. Gostei daquela cena das mãos dos zumbis na porta da Igreja... Clara referência ao primeiro episódio da Primeira Temporada... "Don't Open Dead Inside" todos lembram desta  inscrição naquela porta abençoada do hospital? 


MOMENTOS TOP do Episódio...

1. Ameeeei a forma como Rick reagiu à morte de Beth... Como pode ser tão PEEEEEEEEEERFEITO? Fiquei triste por ter espirrado cérebro da Beth nele mas fiquei feliz por ele ter chorado... todo aquele olhar de desespero é o que mais amo nesse personagem... ele sente, sente profundamente cada perda... E o mais legal foi que mesmo em choque, sem acreditar ou entender o que estava acontecendo, enquanto seus olhos lacrimejavam ele continha o choro e abria o coração para receber aquelas pessoas em seu grupo... Gente, que coisa mais linda!!!! 


2. Gostei da forma como Rick lidou com o policial fujão - Bob... Classificaria esta cena como "momento alívio cômico"... não sei vocês mas eu achei engraçado... rs Esse é o Rick... o "good guy" que às vezes vira o "cachorro-louco" e não poupa quem deseja machucar "sua família". Ele pode se deixar enganar uma vez porque é um eterno esperançoso na raça humana mas não te dará uma segunda chance... *-*  



Rick: "Não dá para voltar atrás, Bob."
Bob: "Você vai morrer. Todos vocês vão."
Rick: "Cala a boca." 

3. Adorei que o Rick tenha recebido a Beth com um beijo e um afago afetuoso... me fez lembrar a forma como ela o recebeu em um episódio da Terceira Temporada que eu comentei aquiaqui no blog... Lembro que quando vi aquela cena, quis muito que ela e o Rick desenvolvessem um romance... Não consigo enxergar romance entre o Rick e a Michonne (mesmo não tendo nada contra), da mesma forma que nunca consegui ver um amor além do fraternal entre Beth e Daryl... 

4. Amei a reação da Maggie ao ver o Daryl carregando a Beth... Será que agora esse povo chato entende o porquê da Maggie ter se mantido meio que sem esperança em relação a reencontrar a Beth? Por isso. Porque neste mundo pós-apocalíptico ninguém tem certeza de mais nada. Tudo muda em uma fração de segundos... Nós vimos o sorriso desvanecer no rosto da Maggie em um instante e o desespero tomar conta da situação... Foi por tão pouco... Adorei quando ela caiu, mais ou menos como o Andrew Lincoln fez quando soube da morte da esposa... a dor é tanta que você fica sem chão e cai.   


Cenas Daryl & Carol... *-*  

* Achei lindo o Daryl recebendo a Carol e carregando a mochila dela... *-* Aliás, mais um show da Melissa, hein?! Arrasou! Eu piro nessa cumplicidade dos dois... Eles são a maior prova de que o sofrimento embora te roube a alma, te fortalece. Tô mega chateada porque catei na net inteeeeeeeeeeeeeira uma imagem deste momento e não encontrei. Tentei fazer minha própria montagem e não consegui... a cena é muito rápida... procurei um gif e não encontrei... enfim... Foi doce mas o registro ficou na memória mesmo. 


* O que dizer da reação do Daryl à morte de Beth? Tiro certeiro na testa da maluca da Dawn... Sim, foi triste e desesperador... e, novamente, a Melissa rouba a cena consolando Daryl e chorando silenciosamente pela Beth... 



MOMENTOS TOP Chaaaaaaaatos...

* Novamente o Tyreese... Mais uma conversa chata do Ty. Ainda bem que a Sasha jogou duro e não alimentou a conversa.  Cara, não sei o que acontece. O Ty parece ter entrado em algum transe vudu, uma coisa sem explicação... Será que eu tô louca ou eles (ty, sasha, aquele casal que não lembro os nomes e o filho) vinham de vários meses lutando sozinhos pela mata quando encontraram a prisão? 
Poxa vida, é lógico que naquele período eles viram muitas mortes de pessoas que estavam com eles e tiveram que matar para sobreviver... pelo menos zumbis... Então, qual o problema? Por que essa neura SEM NOÇÃO de não poder matar mais ninguém? Tá ficando chato, IRRACIONAL e principalmente INJUSTIFICÁVEL... Cansei viu, ty! Larga de frescura e volte a ser o nosso bom e velho amigo... 

* Essa demora em integrar o Morgan à história novamente... O que significa isso? Sinceramente, já deu. Queria muito entender o propósito disso. Não vejo explicação plausível além do já mencionando enchimento de linguiça... aaaaaaaaff!

Não posso deixar de falar... 

1. Não sei se vocês notaram mas o Andrew carregou bem no sotaque e achei isso maravilhoso! Ele era bem assim no auge da Segunda Temporada... dava para ver bem a diferença entre o inglês Andrew Lincoln e o sub-xerife Rick Grimes caipira do interior da Georgia. *-* 

2. Então, outro ponto que gostei muito, muito, muito mesmo foi a colocação da Tara a respeito do Eugene. 


Tara: Só quero que ele fique bem. Eugene não é forte, não é rápido, não sabe usar armas... A verdade dói - ele é inútil. Ele tem uma habilidade que o manteve vivo. Temos que ficar bravos com ele porque ele usou isso?

Glenn: Tem razão. 

3. Tá, a morte da Beth foi triste mas aqui pra nós acho muito exagero compararem à morte do Hershel ... Por favor, né? A importância do velhinho era infinitamente superior... Sem contar que a morte dela foi suave... um tiro e pronto. Ela não foi devorada pela barriga a sangue frio como o Dale ou teve a cabeça decepada por uma espada como o nosso Hershel. Sorry, mas acho que foi exagero demais tanta comoção... Sem contar que eu achei que ela foi bem irresponsável ao tomar aquela atitude... mas enfim... fiquei triste por ela. 

quarta-feira, 26 de novembro de 2014

Melhores Momentos - Séries de Tv

The Walking Dead
Quinta Temporada
Episódio 07


Oi, Pessoas!!!

Uma das coisas que mais aprecio em histórias é ir descobrindo, pouco a pouco, a personalidade dos personagens. E, em The Walking Dead, Tara tem sido uma grata surpresa. Acho fofo o jeito inocente dela. Suas brincadeiras são tão bobinhas que chegam a ser infantis. Ela é daquelas que está sempre disposta a ajudar e que tenta ver o lado bom das situações mais loucas... rs 

Na cena acima ela pegou o resto da água disponível e encheu as garrafas, depois se referiu a elas com uma palavra estranha GREATM ... Glenn, logo perguntou do que se tratava e ela prontamente explicou: Glenn, Rosita, Eugene, Abraham, Tara e Maggie... Hahhaahahah... quem aguenta? =P

segunda-feira, 24 de novembro de 2014

Episódio 07 - Quinta Temporada - The Walking Dead

S P O I L E R

" Crossed "

(✧◡✧)❤

Episódio 07

Quinta Temporada

" Eu devo isso a Carol."
                                                - Rick Grimes

Oi, Pessoas!!!

Mais um episódio perdido no mundo The Walking Dead/Quinta Temporada. Frustrada é um termo bem legal para me definir. Sinceramente só não desisto da série por causa do amor e respeito que tenho pelos atores. Respeito que os roteiristas não estão tendo por nós, fãs. 

Para resumir de forma bem realista o que estamos vendo nesses episódios pós-episódio 01... E N R O L A Ç Ã O!

Quem está acostumado a ler sabe que, no meio literário, de uns 8 anos pra cá, talvez um pouco mais, vem imperando uma modinha entre os autores de "escrever livros em séries". É um meio de protelar o final da história e arrancar mais dinheiro de uma ideia de sucesso. E é na palavra sucesso que mora o perigo. 

Nem todo livro é um mega sucesso, muito menos tem uma história que valha a pena ser transformada em série. Algumas vezes, até é um sucesso mas o autor não tem cacife para prolongar um livro que deveria ter 200 páginas, transformando-o em três de 600 páginas ao todo. Entende? 

Não estou falando que o livro é ruim... só digo que não renderia uma série de 3 ou mais livros como temos visto por aí. Mas a grana $$$$ tem falado mais alto. 

O que isto tem a ver com a nossa série de tv amada?

Bem... os roteiristas estão (talvez por falta de criatividade ou de motivação não sei) arrastando os episódios em cenas sem fim, onde faltam diálogos, ação e nas quais não existe uma conclusão sequer a respeito de algo ou alguém. Desse modo, acredito que eles buscam a empurrar as cenas mais fortes para a parte dois da temporada. 

Claro que terminar os últimos episódios de uma temporada com cenas mitológicas da HQ ou cenas novas de grande impacto é tudo o que nós amamos pois motiva para aguentar a espera pela próxima temporada. Ninguém duvida disso. O problema é que eles estão errando a mão. Errando feio. Os episódios estão arrastados e sem propósito. Nada se conclui... nada. Tá chegando ao ponto das cenas ficarem sem sentido... Até a continuidade entre cenas está mal-feita e perdida. 

Onde está a criatividade durante o arrastar dos episódios???? Por que não preencher os espaços com diálogos interessantes? com flashbacks construtores de personagens ou elucidativos sobre atitudes????  ou ainda...  NUNCA ME IMAGINEI DIZENDO ISSO mas até mesmo com a boa e velha pancadaria de qualidade como a cena do depósito, na quarta temporada, aquela em que o teto desabou... Alguém lembra? Bons tempos hahahahaah... 

Desse episódio? 

Salvou...


# o retorno do Rick porque o Andrew é um ator de grande expressão facial e nada se iguala as suas caras e bocas;

# as cenas da Maggie - A forma como ela se colocou em defesa do Eugene e jogou duro com a estupidez do Abraham sem ao menos titubear foi T U U U D O! Embora eu nunca tenha achado que ela estava morta na série, muito pelo contrário... acho que ela está pensativa, amadurecendo e assimilando mudanças que estão por vir ... talvez já esteja grávida e pensando como falar pro Glenn que nunca quis uma gravidez nesse mundo deles... ; 





# gostei do Daryl... acho que ele está assumindo o papel exercido anteriormente pelo Hershel e Dale, tentando manter o Rick dentro de sua própria noção de humanidade. Achei perfeito e muito válido. 




# gostei da conversa entre Carl e o Padre Gabriel... Carl está muito mais maduro e sensato. Não age mais como um bobo e por impulso. Quanto ao padre, não acho que esteja fugindo. Acho que tudo aquilo de ver a sua igreja sendo palco de mortes e agora destruída para se tornar uma espécie de forte...é muito difícil para ele... Coerência até agora só tem acontecido na construção do Gabriel e na manutenção de personagens como Rick, Carol e Daryl... 



Carl : Escolha uma (aponta para as armas). Tem que aprender a se defender. A gente te ensina. 

Pe. Gabriel: Me defender? Eles iam embora. 

Carl: Eram mentirosos e assassinos.

Pe. Gabriel: Assim como nós.

Carl: A gente se protegeu. Iam matar a gente. Teve sorte da sua igreja ter durado tanto tempo. Não pode mais ficar no mesmo lugar, não por muito tempo. E quando estiver lá fora, vai ter problemas dos quais não pode se esconder. Precisa aprender a lutar.

Pe. Gabriel: (escolhe um facão)


Broncas...

# não sinto falta de ação MAS sinto falta DESESPERADAMENTE de DIÁLOGOS... Preciso de profundidade... A gente não tá tendo a chance nem de explorar as atitudes tomadas... NAAAAAAADA! 

Especulações...

# não acho que Daryl irá morrer. Está bem claro para mim que será a Beth. Seria um desperdício de personagem, matar Daryl ou Carol num momento como esse, sinceramente. 

Se tem uma coisa que o Kirkman não é, é burro... Jamais ele tiraria da série um dos caras que impulsiona a venda dos demais produtos da franquia... Desculpa gente, mas o cara é um FAZ DINHEIRO acima de tudo.

Bom, é isso...  

domingo, 23 de novembro de 2014

segunda-feira, 17 de novembro de 2014

Cumplicidade Daryl and Carol - The Walking Dead *-* ♥

The Walking Dead
Quinta Temporada
Episódio 06 
"Consumed"


 
 

Oi, Pessoas!!!

Olha que lindo o Daryl tendo ideia louca para salvá-los
mas se preocupando com a Carol...
E o que dizer dela... procurando a mão dele no painel? 
Oh, God... so cute!
Como não amar? Casal perfeito! 
Esse olhar suplicante dela é tão 100%
Digo isso porque Carol não é acostumada a procurar apoio...
 não mesmo. 
Amo para sempre esses dois!!!  *-* 

quinta-feira, 13 de novembro de 2014

Melhores Momentos - Filmes


Antes da Meia-Noite
(2013)

Oi, Pessoas!!!

Ah, como eu amei esse filme! 
Essa cena foi maravilhosa... e eu chorei litros... Chorei por Jesse, por Celine
e pelo que nós fazemos com nós mesmos.
 Toda vez que vejo um filme ou leio um livro é impossível para mim, 
não me colocar no lugar dos personagens... E, acredite, já agi de forma tão nonsense quanto a Celine... Hahaha 

Não posso deixar de indicar minha amada Trilogia: 
1. Antes do Amanhecer,

3. Antes da Meia Noite

segunda-feira, 10 de novembro de 2014

Episódio 05 - Quinta Temporada - The Walking Dead

S P O I L E R

" Self Help "



Episódio 05

Quinta Temporada

" Eu menti, Eu não sou um cientista."
                                                - Eugene

Oi, Pessoas!!!

Não estou muito animada para escrever... tô bem down mas acho que a série também não está ajudando... Não sei vocês mas to bem decepcionada com os rumos da série. Acho que os produtores estão confundindo as coisas. 

Todo mundo amou a Quarta Temporada? simmmmmm... Todo mundo aplaudiu as histórias paralelas? simmmmmmm... Mas porquê tanto amor???? Porque aguardávamos desesperadamente o R E E N C O N T R O... e porque eles foram O B R I G A D O S a se separar... não foi uma escolha... Aaaaaaaff!!! Eu amei o primeiro episódio desta temporada e vislumbrei tanta coisa boa vindo por aí... mas NADA... só decepção... 

Conhecer um pouco mais do Abraham é legal mas poxa vida... assim? Alguém lembra do Abraham das hqs? Eu sinto falta... 



Ainda não escrevi sobre o episódio 04 porque não tenho forças... Desde que a série começou nunca me senti tão desmotivada... Talvez não deva escrever agora também... talvez eu deva deixar o momento passar... talvez assim, eu não seja tão severa... Fui! Volto quando estiver melhor... 

Em Breve...

Então, hoje me sinto melhor (e já estamos em 2015) por isso voltei para acrescentar algumas considerações que elaborei sobre o episódio. 

Eu fiquei bem chocada com o comportamento do Abraham... achei que ele usava o lance da "missão" para ter um objetivo para viver mas as atitudes dele nesse episódio só mostraram que tudo o que ele deseja é morrer. O pior é que ele não se importa de que morram todos os demais para que ele consiga seu intento.

Por que ele não se entrega logo a um zumbi qualquer? Achei ridículo e incoerente. Ele foi tão irracional em suas decisões que só consigo pensar que ele matou aquelas pessoas que o Eugene mencionou durante o episódio. Matou enquanto os guiava por caminhos arriscados na tentativa idiota de forçar sua própria morte. 

Estive pensando que talvez, como é um ex-militar, ele possa sofrer de estresse pós-traumático que muitos deles sofrem ao retornar de missões a terras estrangeiras. Isso não foi mencionado, mas é só de onde visualizo uma explicação.

E depois partir para cima do Eugene daquele jeito como se ele já não soubesse que era mentira. Sinceramente gente, o Abraham não foi enganado, ele se deixou enganar. Isso é fato!

 

Quanto ao Eugene... 

Amei! Amei a forma como ele foi se entregando à sensação de "eu não posso escapar da verdade para sempre". A forma como ele ficava observando as pessoas e suas reações... o fato de ter tentado se abrir com a Tara e com a Maggie... a culpa pela morte das outras pessoas... e por último, a certeza de que precisava começar ele mesmo a "se defender". Foi uma construção perfeita das emoções que cresciam em sua mente. 

Achei muito legal ele dizer logo na lata que era um mentiroso. Não ficou floreando, apenas disse. E ele se justificou dizendo que eles não o teriam defendido se soubessem que ele não tinha valor de luta. Devo dizer que isso é uma característica de gente bem insegura porque ele sabe muito sobre várias coisas e obviamente seria muito útil a quem o tivesse por perto. 

Quem não gostaria de ter um faz tudo na hora que o mundo acabasse?  
Fiquei feliz de ver a Rosita defender o Eugene... aliás, as mulheres foram bem categóricas em defendê-lo. Por que seria diferente? Ele é gentil, educado e engraçado. ;D 

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...